Press "Enter" to skip to content

Primeira Dama Simone Assis se reune com a Comissão da Audiência Pública “Comunidades tradicionais de matriz africana: NÃO ao racismo e a intolerância!” 

Compartilhe

A Primeira Dama Simone Assis que é Secretária Municipal de Assistência Social na manhã desta segunda feira dia 09 de maio reuniu-se com a comissão para a organização da Audiência Pública –  “Comunidades tradicionais de matriz africana: NÃO ao racismo e a intolerância!”

 Trataram da seguinte Pauta:
✅ Aproximação do Conselho com os gestores municipais;
✅ Apresentação das deliberações da Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial;
✅ Falar sobre a Audiência Pública prevista para o dia 20 do mês em curso.

Foram tratados ainda os seguinte pauta: Atrações musicais e artisticas  na Audiência Publica; Desdobramentos das demandas extraidas na Conferencia Municipal de Promoção da Igualdade, Mobilização para convocar os agentes publicos e vereadores para participarem da Audiencia Pública que eacontecerá na Câmara Municipal, no próximo dia 20 de Maio, das 19 as 21 horas.

Elmo Rocha – Tatá inkinssi da Nação Africana de Omolokô que é Mestre da Cultura Popular afro-brasileira de Senador Canedo, com 50 anos de sacerdócio e 25 de atuação em Senador Canedo, presidente do MABSC- Movimento Afro Brasileiro de Senador Canedo Goiás, Mestre Elmo que, nesta ocasião está na coordenação da comissão de organização da Audiência Pública em questao, ele que tem seu trabalho focado na luta pelo fomento ás artes e do sagrado africano, além da defesa da Promoção da Igualdade e contra o racismo etnico racial e pelo respeito e tolerância religiosa.

Elmo Rocha inicia falando da importância da aproximação entre o poder público e o Conselho Municipal da Igualdade Racial bem como todos os conselhos, Faz uma explanção inicial contextualizando a situação dos movimentos de promoção da Igualdade nos ambitos municipal, estadual e nacional no que concerno ao racismo e discriminação racial e das religiões de matrizes africanas vem sofrendo. Falou ainda, das demandas extraidas na Conferência de Promoção da Igualdade Racial e como é de suma importãncia, em sua fala deu enfase a importânica de se instituir os Cursos de Capacitação dos Funcionários Publicos para atenderem à população negra da cidade e ainda a importância da Capacitação dos Educadores da Rede Municipal de Ensino de Senador Canedo para a execução das Leis 10.639/2003 e 11.645/2008 que regulamentam o ensino de “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena” na educação básica do Brasil é hoje o principal instrumento de luta contra o racismo dentro do campo educacional. Ficou acertado que a Primeira Dama Simone Assis encaminhe esta solicitação da comissão que representa a comunidade e os movimentos negros organizados de Senador Canedo para o Secretário Municipal de Educação e Cultura Victor Pellozo.

Carmelita Gomes –  Produtora Cultural e Editora do Jornal Imprensa Criativa, é Conselheira Municipal de Promoção da Igualdade Racial, e nesta Reunião representa o Presidente do COMPIR Sr. Robson Moura, defende a participação de Artistas locais nos eventos públicos, e consequentemente  o pagamento de cachês para valorizar o artista local em eventos publicos municipais, e defendeu o pagamento de cachês para os artistas locias bem como, honorários para palestrantes  nesta Audiencia Pública, bem como conferencistas locais capacitados em eventos como simpósios, conferências, cursos organizados pela administração publica municipal.

Primeira Dama salientou que outras audiencias vem sendo realizadas e que a nossa sugestão foge aos modelos já praticados de Audiencias Públicas realizadas antes, nesta gestão. Que concorda com o quesito valorização dos artistas locias, que, esta demanda financeira para pagamentos de cachês e honorários nao estava prevista na datação orçamentária, porém, que levará a nossa sugestão em consideração e estudará um melhor meio.

Membros da Comissão tornam a enfatizar que mesmo sendo  informados pela Senhora Júlia de Souza M. Cardoso que é Secretária responsáveis pelos conselhos municipais da cidade, mesmo tendo Julia informado de que seria muito dificil incluir o cachê, eles, conselheiros municipais, representantes da comunidade nao abrirão mão de incluir na pauta de reunião com a Primeira Dama Simone Assis que é a Secretária Municipal de Assistencia Social e que esta levasse até o prefeito municipal a sugestão de que a administração publica municipal convide artistas locais e pague-lhes cachês em eventos da Prefeitura Municipal de Senador Carnedo Goiás, pois esta é a luta dos movimentos sociais organizados, dos produtores e dos artistas locais representados por membros desta comissão. Diante do exposto, a Primeira Dama Simone Assis concordou em estudar a melhor forma de resolver esta demanda social.

Camelita ainda reforça que a sessão da Audiência Pública é uma oportunidade, uma estância propícia para que o Compir – Conselho Municipal de Promoção da Igualdade expor aos edis da Casa de Leis, ou seja, aos vereadores para que tomem conhecimento das demandas dos munícipes solicitadas na instância pública que foi a Conferência e também, outros assuntos referentes às solicitações deste conselho representativo da comunidade.

Ainda, foi solicitado à Gerente Municipal de Promoção da Igualdade Senhora Vania Bandeira presente na reunião, que, exponha um relatório desta importante Gerencia Municiapal contendo as conquistas e ações já realizadas, para conhecimento de todos os presentes, comunidade e vereadores, dentro da programação da Sessão da Audiência Pública.

A Gerente Vania expôs na reunião a fala do presidente da Câmara Municipal Sr. Carpegiane Silveste que recomendou que a comissão fizesse visita à Camara na sessão de amanha dia 10 de Maio, para convencerem aos vereadores da importância da audiência pública, mobilizando os para que compareçam a audiencia, o que foi  ponderado e acatado pelos membros da comissão presentes.

Pai Elmo Rocha convida a Primeira Dama Simone Assis  e estende o convite ao prefeito Fernando Pellozo a que participem do Evento de Reconhecimento e Homenagem a mãe Roxa – Edeuzuita dos Santos Souza por seus 94 anos de idade e 64 anos de exercício da fé.

No mais, foram tratadas as questões da mobilização onde a Primeira Dama Simone Assis explanou sobre a importância de mobilizar da população de Senador Canedo, bem como as autoridades, visto que a administração publica sempre se mostrou parceira e ombreou estas bandeiras e causas, exemplificando todo o apoia à realização da Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial, bem como,  todo o desdobramento materializando de forma concreta as solicitações extraidas da Conferência Municipal, logo após a sua realização. Resumiu que a Administração Pública Municipal está empenhada em levar aos seus gestores municipais ás solicitações que estão expostas no relatório da conferência municipal,  e suas efetivaçães nas respectivas secretarias.

A reunião contou com a participação como já foi dito, da Primeira Dama Simone Assis Secretária Municipal de Assistencia Social, da Secretária dos Conselhos Municipais Julia de Souza M. Cardoso, da Gerente de Promoção da Igualdade Racial Vania Bandeira representantes governamentais e ainda a comissão de organização da Audiência Públicam representando seus componentes o Sr. Elmo Rocha, Carmelita Gomes e Zuleide Lopes Rocha.

Audiência Pública: “Comunidades tradicionais de matriz africana: NÃO ao racismo e a intolerância!” 

Data: 20 de Maio de 2022
Horário: 19 horas
Local: Câmara Municipal de Senador Canedo - GO.

Realização: Secretaria Municipal de Assistencia Social – Diretoria da Diversidade e Cidadania – Gerência de Promoção da Igualdade Racial e COMPIR – Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial.

PÚBLICO A QUE SE DESTINA
Serão esperadas cerca de 100 pessoas entre elas, os representantes das
religiões de matriz africana e das comunidades tradicionais, além dos
representantes das seguintes Secretarias: Semasc – Secretaria de Assistência Social e Cidadania, Secretaria de Educação e Cultura, Diretoria de Cultura, Secretaria de Saúde, Sefin – Secretaria de Finanças, Seplan – Secretaria de Planejamento Urbano, Secretaria de Comunicação e Eventos, Secretaria de Segurança Publica, Secretaria de Trabalho e Renda, Diretoria de Ações Afirmativas, Gerências da Mulher, da Igualdade Racial e da Diversidade Sexual, Ministério Público, Poder Judiciário, Câmara Municipal, Conselhos Municipais de Direitos Humanos, Conselho Tutelar, Conselho da Juventude, Conselho da Mulher, OAB e Simpatizantes ao tema do município de Senador Canedo.

OBJETIVOS:

  1. Reafirmar o direito ao culto e o fim da perseguição a tudo que diz respeito ao
    legado africano no Brasil, com a finalidade de garantir que os templos de religiões de matrizes africanas e afro-brasileiras, seus cultos e suas manifestações culturais não sejam apagados, discriminados e criminalizados, assim como toda a
    comunidade tradicional;
  2. Tornar público e acionar as autoridades no cumprimento das diretrizes
    extraídas da III Conferência Intermunicipal de Promoção da Igualdade Racial;
  3. Propor políticas públicas que contemplem as solicitações da comunidade em questão.
COMISSÃO ORGANIZADORA:
  • Elmo Rocha – Conselheiro titular, representando a sociedade civil – Coordenador da Comissão;
  • Ernestina Ferreira de Souza – Conselheira suplente, representando a sociedade civil;
  • Eustáquio Dias Ferreira (Mestre Criolo) – Conselheiro suplente, representando a sociedade civil;
  • Carmelita Gomes  – Conselheira titular/1ª secretária do
    COMPIR, representando a sociedade civil;
  • Robson Santos de Moura – Conselheiro titular/presidente do COMPIR, representando a sociedade civil;
  • Sibeli Maria Linhares – Conselheira titular, representando o poder público;
  • Vânia Gomes Bandeira – Gerente  de Promoção da Igualdade Racial;
  • Zuleide Lopes Rocha – Conselheira suplente, representando a sociedade civil;

 

More from ArtigosMore posts in Artigos »

Comments are closed.

Mission News Theme by Compete Themes.